MT e STF preparam programa de qualificação profissional de detentos

O Ministério do Trabalho e o Supremo Tribunal Federal, por meio do Conselho Nacional de Justiça, vão lançar em 10 de fevereiro um programa de qualificação profissional para atender até 15 mil presos dos sistemas fechado e semiaberto.

A ação apresentada pelo ministro será realizada dentro do âmbito do programa “Começar de Novo”, desenvolvido pelo CNJ desde 2010.

Segundo o ministro Ronaldo Nogueira, serão aplicados cerca de R$ 30 milhões na qualificação de presos de todo o país, oriundos de recursos do orçamento do Ministério do Trabalho, e o projeto terá início antes do primeiro trimestre de 2017.