Maior alta na busca de crédito em 2016 ocorreu na região Sul

A demanda dos consumidores por crédito cresceu 3,7% em 2016 na comparação com 2015, segundo levantamento divulgado pela Serasa Experian.

O aumento da procura por financiamentos foi mais alto na faixa de renda mensal de R$ 1 mil a R$ 2 mil, que registrou expansão de 4,3%. Entre os que ganham de R$ 500 a R$ 1 mil houve crescimento de 3,7%. Na faixa de R$ 5 mil a R$ 10 mil a alta ficou em 4,1%. Para os que recebem acima de R$ 10 mil foi verificada uma expansão de 3,6%.

Na análise por região, o Sul foi onde a demanda por crédito mais avançou, com 7,2%. No Centro-Oeste, a expansão ficou em 5,1%. No Sudeste, em 3,7%, e no Nordeste, em 1,7%. Na região Norte foi registrada queda de 2,6% na procura por empréstimos ao longo de 2016.

Nenhum comentário: