IBACF quer que investigação sobre acidente de Teori tenha acompanhamento privado

O Instituto Brasileiro Autônomo de Ciências Forenses (IBACF) emitiu nota esta manhã sugerindo que a investigação conduzida pela Polícia Federal do acidente que vitimou o ministro do STF Teori Zavascki seja acompanhada de perto por peritos sem vínculo com o Estado. Diz assim:

Entendemos, desde a visão da objetividade da prova e desde a imperante necessidade de obtenção da veracidade dos fatos, a importância da atuação de peritos privados no acompanhamento de todas as fases da investigação do referido sinistro aéreo junto aos peritos oficiais já designados para a realização dos exames periciais, com a finalidade de GARANTIR que toda e qualquer ação reflita, com exatidão, a plena veracidade dos fatos que envolveram as causas do ocorrido.


4 comentários:

Unknown disse...

Isso... até porque até bandidos são "oficiais" hoje em dia!!!

Anônimo disse...

Quando oportunismo.

Anônimo disse...

Privado?não entendi.
Privado não é coisa de capitalista?
Quando se apertam,recorrem ao privado.
Basta analisar o caso.
Teori se meteu com marginais.
Não honrou sua carreira.
O resto deixa com a hipocrisia do funeral.

Anônimo disse...

a investigaçao nao vai dar em nada, deveriam chamar os estados unidos p investigar