Fumageiras e fumicultores discutem reajuste na tabela da nova safra

Está acontecendo neste momento, em Sanca Cruz do Sul, uma reunião entre os fumicultores e as empresas fumageiras para definir o percentual de reajuste na tabela referente à safra 2016/2017. Até o momento, apenas a Souza Cruz fechou acordo com os produtores rurais, oferecendo percentual de 8,35%, elevando a R$ 11,64 o quilo do tabaco BO1 e a R$ 9,35 o do tipo TO2.

No decorrer do dia, são aguardadas propostas da Philip Morris Brasil, JTI, Universal Leaf Tabacos, Alliance One, China Brasil Tabacos e CTA.

Nenhum comentário: