quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Fitch mantém classificação de risco para a Petrobras

A Petrobras continuou com perspectiva negativa pela agência de classificação de risco Fitch. Em resultado divulgado nesta quinta-feira, ela deu nota em moeda estrangeira em BB, e em moeda nacional AA+, indicando perspectiva negativa.

Segundo a Fitch, a classificação da Petrobras é a mesma do Brasil. Uma vez que o governo é que exerce controle sobre a empresa. Afirma ainda que a estatal brasileira terá de trabalhar por um fluxo de caixa livre neutro, além de obter sucesso no programa de corte de investimentos. E que a redução futura da dívida dependerá do sucesso do programa de desinvestimento da Petrobras. Que segundo a Fitch, é incerto e difícil de prever", embora a empresa tenha demonstrado um progresso substancial até hoje”.

Nenhum comentário: