quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Estes seis brasileiros têm mais dinheiro do que as fortunas de 100 milhões de brasileiros somados

A fortuna pessoal de Jorge Paulo Lemann, Marcelo Herrmann Telkes, Carlos Alberto Sicupira, Josephf Safra, Eduardo Saverin e João Roberto Marinho, que somam US$ 79,8 bilhões, é igual à soma das fortunas de 100 milhões de brasileiros.

Os cálculos são da revista Forbes.

Eduardo Saverin, o mais desconhecido da lista, é cofundador do Facebook.

30 comentários:

Anônimo disse...

Pois é, para isso eles foram empreendedores, investiram, arriscaram, foram inteligentes.

Então qual é o problema de ficar rico. Chega a ser maldosa a comparação feita.

E os políticos que ficaram "RICOS" roubando no exercício do cargo, não reclamam de nada.

Anônimo disse...

Eta pobreza! quer dizer que dos 205 milhões de otários, quer dizer brasileiros, 100 milhões tem patrimônio igual a R$ 2793,00 ? vai ser pobre assim na PQP.

Anônimo disse...

e vocês acham isso bonito? sinônimo de competência???? justo? caras que enriqueceram a custo de corrupção e sonegação? esse é o mundo coxinha que qria o golpe????

Anônimo disse...

Os três primeiros podem agradecer muito, boa parte da fortuna obtida, ao BNDES, ao serem financiados com dinheiro barato iniciando com a aquisição da ANTARCTICA na década de 90 e a consolidação do setor cervejeiro até chegar na AMBEV.
Enquanto o Saverin obteve integralmente sua fortuna no mercado de ações americano, não usou um tostão do BNDES.
Por isso que os USA é a potência líder mundial, pois tem um mercado acionário capaz de financiar todo tipo de negócio.

Anônimo disse...

a esquerda pira!!!

Mauro Di Palma disse...

Cadê o lula?

Dr. FAÇANHA disse...

A ELITE que PRODUZ, sustenta a massa que só se REPRODUZ. Donald Trump quer evitar essa distorção nos EEUU.

Fora Sartori disse...

E quantos milhares de pessoas são empregadas pelo Lemman?

Anônimo disse...

E a @globonews divulgando reportagem na mesma linha sobre bilionarios no mundo serem donos de fortuna maior que a metade da populacao mundial.
Caras de pau nem olham para o proprio rabo.

Anônimo disse...

QUE HORROR POLIBIO! TU ESTÁS NESTA VIBE DE DIVIDIR A GRANA DESSES FDP!
ACHO QUE ESSE ASSUNTO É MUITO PIKETIANO E GRAMSCIANO. MAIS BILIONÁRIOS SIGNIFICA MAIS EMPREENDEDORES, MAIS RIQUEZA, MAIS EMPREGOS. ESSES COITADOS SÃO TENSOS, TEM MUITA RESPONSABILIDADE E NEM PODEM TORRAR A GRANA POIS ESTÁ TODA INVESTIDA!

Anônimo disse...

Acho que vocês estão caindo num golpe estatístico e de desinformação. Estes ricos não tem a fortuna que você apontou. Eles tem ações das empresas. Veja o caso do Bill Gates a fortuna dele pode virar pó se a microsoft fizer besteria e o mercado de ações derrubar a cotação da sua ação.Depois este pessoal trabalhou muito para ter o que conseguiram.
Alguém é contra trabalhar e ficar rico????
No total dos 100 milhões de brasileiros não estão contando as crianças também????

Anônimo disse...

O problema não é termos bilionários, a questão é se o dinheiro foi obtido honestamente. Me lembro bem de um cara que no governo Lula da noite para o dia virou um dos caras mais ricos do mundo. Pergunto, de onde ele tirou a grana, de uma árvore do dinheiro? De repente quase toda a grana sumiu, onde? Para quem foi este dinheiro? Evaporou?

ATENTO disse...

FALE, POLIBIO QUE SÃO CAPITAIS QUE GIRAM E CRIAM MILHÕES DE EMPREGOS, PRODUTOS,TORNAM A HUMANIDADE MAIS FELIZ.
"DINHEIROS"

OLHE, NÃO EXISTE DINHEIROS DESTE TAMANHO, EXISTEM CAPITAIS EM FORMA DE CRÉDITOS E BENS,DINHEIRO É UMA FERRAMENTA DE NEGÓCIOS...FALANDO ASSIM DÁ UMA IDÉIA MELHOR.

DINHEIRO É SIM APENAS UMA FERRAMENTA DE NEGÓCIOS, UM EQUIVALENTE DE RIQUEZA

NO CAPITALISMO DE ESTADO, O POVO NÃO PODE TER DINHEIRO(FERRAMENTA DE NEGÓCIO),FAZER NEGÓCIOS,GERAR RIQUEZA, COMO EM CUBA TODO NEGÓCIO É DETERMINADO PELOS DITADORES ASSASSINOS NO GOVERNO,AS ECONOMIAS INDIVIDUAIS ENTRAM EM FALENCIA,O ESTADO FICA POBRE MISERAVEL,NAÕ HA´PRATICAMENTE PROGRESSO.TODOS QUEREM FUGIR MAS O LÍDER BANDIDO PROIBE.ALGUNS ARRISCAM A VIDA E FOGEM ASSIM MESMO. PARA ISSO DILMA,LULA,DIRCEU LUTAVAM E QUERIAM O BRASIL ASSIM.FELIZMENTE DEU ERRADO PARA ELES, E PARA O FORO DE SÃO PAULO,UMA ENTIDADE MALIGNA CRIADA PARA ESCRAVIZAR A AMERICA LATINA.

NO CAPITALISMO PRIVADO,TODOS PODEM TER DINHEIRO(FERRAMENTAS DE NEGÓCIO),GERAR RIQUEZAS,FAZER NEGÓCIOS,QUASE COM LIBERDADE TOTAL AS ECONOMIAS INDIVIDUAIS PROSPERAM.TROCAS DE INFORMAÇÕES,SERVIÇOS SE FAZEM ACONTECER EM FUNÇÃO DAS NECESSIDADES,DE FORMA ESPONTÂNEA.
POR ENQUANTO ,O MELHOR QUE JÁ SE VIU.

O ULTIMO CEGUINHO NA AL QUE AINDA NÃO VIU É MADURO QUE ESTÁ CAINDO DE PODRE.

Anônimo disse...

Todos talentosos e merecedores.

Dinheiro é consequência natural quando se faz o que gosta !

Anônimo disse...

Que bom que eles ganham bem, certamente trabalharam para adquirir tamanha fortuna. Pior são os aqueles que nunca trabalharam e adquiriram grandes fortunas. Nossos governantes ao invés de incentivar o povo a estudar e trabalhar para ganhar mais, gostam de citar esse exemplo para nivelar todos por baixo e nunca por cima, tirando a motivação do trabalhador de crescer e no futuro também se tornar um desses milionários.

Anônimo disse...

Desconhecido para o senhor, que é um grosso.

Anônimo disse...

Políbio, tu não aprendeu nada ou isso má fé mesmo?

Mr. Lincoln disse...

Então eu sou o Sétimo.

Anônimo disse...

Conclusão: há 100 milhões de brasileiros que fazem muito pouco pela sociedade, logo tem pouco dinheiro. Não é à toa que temos renda per capita comparável a do GABÃO. Isso mesmo: G-A-B-Ã-O.

Anônimo disse...

Estes brasileiros estão lá, no final da Curva de Gauss. Mas existem ainda muitos outros, que souberam administrar muito bem suas vidas e negócios HONESTAMENTE - que estão vivendo muito bem, apesar dos roubos petistas. Não somos não, de todo ruins.

Anônimo disse...

Estes casos mostram que no Brasil a tributação é errada pois atinge mais as empresas e por via reflexa quem consome (tributação indireta) do que os acumuladores de capital. Para corrigir isto bastaria reduzir a tributação das pessoas jurídicas e estabelecer uma verdadeira progressividade nas alíquotas do imposto de renda -- aliviando as faixas iniciais das classes baixas e médias. Mas nossos representantes no congresso não parecem muito animados a dar o exemplo...

Anônimo disse...

Quanto desse dinheiro esse pessoal anda no bolso?Quanta bobagem, eu que tenho uma merrequinha aplico em poupança e VGBL e não ando com dinheiro no bolso, meu dinheiro está circulando em aplicações no mercado via instituicoes financeiras, acho que a única objeção é que o governo brasileiro deveria controlar o dinheiro para que não saia do país. Suíça, EUA, Inglaterra entre outros paises,fazem de tudo para captarem dinheiro externo e hoje vemos,com o Petrolão, que até dinheiro de corrupção são aplicados em outros paises.

Anônimo disse...

Perguntar não ofende:Onde tem melhor qualidade de vida, no Japão /Alemanha que têm muitos Empresarios ricos,"exploradores" ou em paises Africanos como a Zambia que tem muito poucos empresários? A idiotia impera na cabeça dos esquerdopatas doentes.

Unknown disse...

Então, Bolsonaro para presidente... acorda Políbio!!! Tua pesquisa tá mais para Datafalha!!!

Anônimo disse...

TODOS estes ricos, com exceção do brasileiro/americanizado, deram um salto da escravidão imposta pelas cortes brasileiras, instituídas na CF/1988.Continuam como escravos ricos, visto que a CF/1988 não os garante uma RENDA VITALÍCIA e HEREDITÁRIA em caso, ainda que remota, de falecia.

TODOS ELES PODEM FALIR! Falando nisso, por onde anda EIKE?



Justiniano disse...

100 milhões está que nem as estatísticas do Lula que tinham 30 milhões de crianças de rua.
Um simples cálculo uma família de 4 pessoas,com 200 milhões de brasileiros, um quarto trabalha e três quartos não trabalham (esposa e dois filhos menores), desses 13,7 milhões de famílias possuem bolsa-família, o equivalente a quase 50 milhões de pessoas. Então 200 - 50 milhões = 150 milhões/4 = 37,5 milhões.

Desse modo essa estatística acima está totalmente furada.

Ser empreendedor no país tem um sócio que nada faz e que sempre leva o seu, esse sócio chama-se governo.


Anônimo disse...

Nada contra. Se se arriscaram - e arriscam diariamente - produzindo riqueza, só merecem elogios. A impressão que a imprensa dá é que esses milionários têm uma caixa forte como o Tio Patinhas. Mas não é assim. Negócios são arriscados, dependem de cuidados e planejamento e se há descuido, o mercado não perdoa. Pergunta: quantos empregos geram? A notícia é maldosa e tendenciosa.

Anônimo disse...

é engraçado ver a coxinha da pobre idolatrar os ricos eheheheh

Cap Caverna disse...

Parabéns aos bilionários, que foram capazes de fazer riqueza, e/ou souberam aumentar o que receberam de herança. Com certeza lutaram muito para terem esse patrimônio , ao contrario da maioria incapaz, malandra, e que só quer ficar esperando as migalhas dos outros, e nada fazem para melhorar como seres humanos. Essas fortunas foram feitas em décadas de trabalho, inteligência, perseverança e visão comercial, e não com dinheiro de negociatas, desvios, conchavos e corrupção, de alguns lacaios, e que estão na mídia, como réus da Lava Jato.

Miguel Aspis disse...

RIQUEZA NÃO É CAUSA !!! É CONSEQUÊNCIA !!!!