terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Cpers tira indicativo de nova greve, desta vez para 8 de março

O Cpers, poderoso sindicato dos professores públicos estaduais, tirou indicativo de greve para o dia 8 de março.

De novo.

17 comentários:

Anônimo disse...

Quem sabe uma hora destas eles se enganam e tiram indicativo de se mancar?

Anônimo disse...

" Tudo de novo " ? Assim é impossível um aluno aprender alguma coisa. Depois se queixam dos presídios lotados. " Dai Educação as crianças e não precisará punir o homem ".

Anônimo disse...

Tem pesquisa para saber se os filhos fos lideres da CPERS estudam em Escolas Públicas?

Anônimo disse...

>>

Isso não é um sindicalismo. Isso é terrorismo. E isso não é grupo sindical, é aparelho terrorista desde que o governo não seja de esquerda. Jamais fazem greves quando o governo é da ORCRIM. O objetivo deles não é melhorar o ensino, o objetivo desses terroristas é prejudicar o governo que eles consideram inimigo, mesmo que isso signifique prejudicar milhões de estudantes gaúchos. Gentalha pilantra e cretina!!

<<

Anônimo disse...

O CPERS faz tanto pela educação dos brasileiros quanto as extensas e produtivas leituras de Lula em sua vasta biblioteca!

Anônimo disse...


Diversas categorias obtêm as suas reivindicações através de greves.

Apenas os professores não conseguem dobrar os governantes.

Deve ser porque os professores não tem como prender o rabo deles.

Todo politico é enrolado com alguma coisa; desvios, maracutaias, acordos escusos e outras trampolinagens politicas, só não vê quem não quer, para char um furo não é preciso muita força, que o diga o Poder Judiciário do RS, alvo de projeto prejudicial do Polenta, deram a volta por cima ao impedirem a votação e de lambuja criaram mais algumas vagas de funções gratificadas.

Quem pode, pode. Quem não pode, faz greves, nem que seja apenas para fazer greve.




Ricardo A. N. Dornelles disse...

Esses vadios estão pedindo...

Anônimo disse...

O CPERGS não representa nem um quarto dos professores. Está na hora de dar um basta a esse sindicato filiado a CUT . Desconto dos dias parados e demissão em massa !

Anônimo disse...

CPERS DESTRUIU A EDUCAÇÃO DO RS. VERGONHAAAAAAA

Anônimo disse...

E indicativo para avaliar desempenho profissional, a fim de melhorar a educação? Vão trabalhar que há muito oque fazer nas salas de aula, e quem quiser fazer política se candidate à governador para tomar ciência da real situação do estado.

Anônimo disse...

Já tivemos uma média de 8 alunos por professor ativo, hoje temos 14.

Está na hora destes professores se preocuparem em trabalhar em salas de aula.

Quem sabe adotamos o modelo francês de administradores profissionais nas escolas e professores só em salas de aula, sem funções burocráticas.

Justiniano disse...


Todos filhos estudam em colégio particular a maioria com bolsas.

Conheço vários professores que militam no CPERS e os seus filhos estão nos melhores colégio particulares.

Eles são todos iguais, basta ver quando a Marisa Leticia pediu passaporte italiano, disse que queria um futuro melhor para os filhos e netos!!!!

Querem acabar com greve é bem simples - corte o ponto e desconte. Até o líder hipócrita deles disse que greve com salário é FÉRIAS!!!

No início, Lula falou sobre o projeto que pretende enviar ao Congresso limitando o direito de greve de funcionários públicos. Criticou o fato de alguns servidores paralisarem suas atividades e depois receberem o salário referente aos dias parados.

"O que não é possível, e NENHUM BRASILEIRO PODE ACEITAR, é alguém fazer 90 dias de greve e receber os dias parados, porque, aí, deixa de ser greve e passa a ser férias", declarou.

VEJA EM: www1.folha.uol.com.br/fsp/brasil/fc1605200702.htm


Anônimo disse...

Mais ainda estão devendo dias letivos a serem recuperados da última greve !

Já sei ... vai entrar na pauta a desistência de o governo cobrar esse cumprimento né !

Vão ter de devolver dinheiro no contra cheque !
Alguma dúvida porque o estado está quebrado ?
Essa é a educação oferecida pelos "mestres" !

NEWTON disse...

Sempre a um jeito de afundar mais a "qualidade" do ensino médio gaúcho, afinal este tem sido o objetivo de CPERS, alcançado com pleno sucesso.
CEPERS POR QUE NÃO TE CALAS? Pelo amor de Deus!

Anônimo disse...

Boa pergunta onde estudam os filhos dos CPERSistas?
CPERS=Centro Promotor de Greves do RS

Anônimo disse...

Quando será que veremos um INDICATIVO PARA O TRABALHO????? Só fazem greve este pessoal, depois colocam seus filhos em escolas particulares para estudarem.....

Anônimo disse...

já virou tradição, que nem natal e ano novo, se não tem greve do cpers, não teve ano