quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Copom surpreende o mercado e derruba os juros básicos de 13,75% para 13% ao ano

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central surpreendeu o mercado e anunciou nesta quarta-feira o terceiro corte seguido na taxa básica de juros da economia brasileira, de 13,75% para 13% ao ano. 

O corte, de 0,75 ponto percentual, é o maior em quase cinco anos - a última vez que a Selic teve queda semelhante foi em abril de 2012, quando passou de 9,75% para 9% ao ano. A decisão mostra que o BC decidiu acelerar o ritmo de redução da taxa de juros em meio às previsões de que a retomada do crescimento da economia brasileira pode demorar mais para acontecer e aos sinais de desaceleração da inflação.

Mais cedo nesta quarta, o IBGE divulgou que a inflação fechou o ano de 2016 em 6,29%, abaixo do teto da meta perseguida pelo Banco Central, que era de 6,5%.

8 comentários:

Anônimo disse...

Eu esperava 1 ponto percentual, até comentei neste espaço. Ficou mais ou menos dentro do esperado, com a queda da inflação para 6,29%.

Anônimo disse...

Esse pessoal do mercado devem ter cheirado cueca, qual o motivo dessa euforia,se a taxa SELIC é mais que o dobro da inflação, estão doidos?

Unknown disse...

Bom explicar que embora abaixo dá meta, a inflação no governo Temer é bem menor do que no governo Dilma

Unknown disse...

Quando o agiota maior quer(governo) os juros caem!!!

Anônimo disse...

A taxa de juro que interessa para nós, os mortais, é de quase 500%.
Esta é a taxa que me interessa.

Anônimo disse...

boa noticia, vamos indo .............vai levar anos p concertar o estrago de 14 anos de pt

Anônimo disse...

otimo que os juros começam a cair diferente dos 14 anos de pt em que soh subiam

Unknown disse...

Esses juros básicos, inacreditáveis em qualquer parte do mundo, são interessantissimos para os grandes grupos econômicos. Os mesmos que elegem presidentes e os depõe, conforme seus interesses.