Temer e Trump conversam sobre agenda de crescimento

Um mês após a vitória de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos, o presidente Michel Temer ligou no fim da manhã desta terça-feira, para o norte-americano e reforçou que o Brasil tem interesse em investir em uma agenda comum dos dois países. De acordo com nota divulgada na mesma data pela assessoria de imprensa do Planalto, a conversa foi "amigável e positiva".

"O presidente Temer cumprimentou novamente Trump pela vitória nas eleições. O presidente eleito Trump apresentou condolências pelo acidente com o avião da Chapecoense e cumprimentou Temer pelas reformas e medidas para promover o crescimento do Brasil", diz a nota.

Segundo o Planalto, Trump e Temer concordaram que as relações Brasil-EUA "estão boas, mas ficarão ainda melhores" e acertaram de lançar, "imediatamente após a posse do novo presidente americano", em fevereiro do ano que vem, uma agenda bilateral para o crescimento.

Os dois presidente combinaram ainda que as equipes dos dois países se reunirão a partir de fevereiro para elaborar essa agenda.