PTB derruba quorum e impede mninirreforma administrativa de Marchezan Júnior

O PTB botou a faca no pescoço de Marchezan Júnior, exigindo o anúncio da nomeação de Luciano Marcantônio para a secretaria do Desenvolvimento Social, sem o que não votaria o pacote. O líder tucano não aceitou a imposição - e perdeu. Ele ainda tentou costurar acordos através de Kevin Krieger, Ricardo Gomes e Gustavo Paim, mas sem sucesso.

Sem qualquer jogo de cintura e incapaz de dialogar construtivamente, o prefeito eleito Marchezan Júnior acaba de sofrer uma derrota anunciada na Câmara de Porto Alegre, que não aprovou a sua minirreforma administrativa.

O ponto alto da reforma seria a redução do número de secretarias, que cairia de 37 para 15.

Acontece que a bancada do PTB retirou o quorum da sessão e ela foi encerrada.

Como hoje é o último dia que antecede o recesso, o novo prefeito terá que dar posse ao secretariado, usando o velho figurino.