Morreu em Porto Alegre o jornalista José Mitchell, ex-JB

Morreu hoje o jornalista gaúcho José Henrique de Medeiros Mitchell, o Mitchell.  Ele será sepultado amanhã, 11h30min, no cemitério São Miguel e Almas. O velório já acontece na Capela G.

O também jornalista Anilson Costa, amigo de Mitchell, disse ao editor que ele trabalhou no JB e RBS TV. "Era um profissional brilhante, competente e apaixonado pelo ofício de informar com ética e exatidão", lembrou Anilson Costa.

3 comentários:

Anônimo disse...

Qualidades desse Mitchel, que não encontramos mais em atuais jornalistas: ÉTICA e EXATIDÃO. Hoje, não somos mais informados assim. Agora, são rancores, ódios, interesses pecuniários, cargos, vaidades e... amores apaixonados!

Tomás Sá Pereira disse...

Quando passei pelos bancos da Famecos, na PUCRS, já se falava em José Henrique de Medeiros Mitchell e no trabalho que ele realizava no comando da sucursal do Jornal do Brasil na capital gaúcha. O destino foi generoso e tive a oportunidade de trabalhar ao lado dele na equipe de telejornalismo da RBS TV. Seus conhecimentos e registros históricos de uma época difícil do Brasil estão eternizados em seu livro: "Segredos à direita e à esquerda na Ditadura Militar", lançado em abril de 2007. Meu exemplar está na prateleira de minha casa com a dedicatória de Mitchell. Os novos jornalistas devem se inspirar em Mitchell para conhecer o princípio básico do jornalismo ágil, ético e preciso nos detalhes.

Tomás Sá Pereira

Anônimo disse...

Muito triste para mim saber da morte do Mitchel. Fomos colegas desde os tempos gloriosos das sucursais dos grandes veículos brasileiros em Porto Alegre. Ele, na sucursal do JB e eu no Estadão. Voltamos a trabalhar juntos na RBS TV. Mitchel era um profissional corretíssimo, detalhista e sempre muito gentil com que estava começando na profissão. Meus pêsames para sua família. Este ano de 2016 foi um ano muito triste, com perdas dolorosas e muitas lágrimas derramadas...
Rogério Mendelski