Justiça considera greve da Susepe ilegal. Presídios continuam amotinados no RS.

O secretário estadual da Segurança Pública, Cezar Schirmer, informou na tarde desta quarta-feira que, conforme decisão do desembargador Ricardo Hermann, a Justiça gaúcha considera a greve de servidores da Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe) ilegal e determinou o retorno dos funcionários ao trabalho após uma série de rebeliões em diversas penitenciárias do Rio Grande do Sul.

A multa por descumprimento é de R$ 50 mil por dia.

As 17h, pelo menos quatro presídios apresentavam situações de motim, com depredações, agressões, feridos e mortos. 

5 comentários:

Anônimo disse...

Tudo o que é de direito, é ilegal.

Então fechem o sindicato, acabem com os registros, e a justiça não terá de quem cobrar multa.

Agora, me diz, Sr. Editor: O QUE É LEGAL. É LEGAL AS PESSOAS MORREREM ESPERANDO NA FILA DA ORDEM CRONOLÓGICA O PAGAMENTO DE SEUS CRÉDITOS EM PRECATÓRIOS QUE OS GOVERNO NÃO PAGAM. É LEGAL ISSO!!!!

Uma Justiça que trabalha para o mais forte, será ela, em tese FORTE. Se FORTE FOSSE MANDAVA SEQUESTRAR OS VALORES NA CONTA DO ESTADO, NEM ISSO FAZEM, MESMO EXISTINDO PREVISÃO LEGAL.

Anônimo disse...

A fato sindical e sim criminal. Abertura de inquérito e punição aos que abandonaram os postos, resulrando em mortes e feridos.

Anônimo disse...

Problemas que deixam a população de cabelo em pé parecem acompanhar o Secretário Schirmer...

Unknown disse...

Pode até ser mas é imoral!!!
Jamais se pode admitir a não prestação de serviços à sociedade!!!
Temos que rever a lei de Greve!!! Substituir paralisações por negociações em Tribunais de Mediação!!!

Anônimo disse...

Motins incentivados pelo Sindicato!