sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Índices de confianças da indústria e do consumidor recuaram em dezembro.

O Índice de Confiança do Empresário Industrial atingiu 48,0 pontos em dezembro, conforme divulgado ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O resultado, que ficou abaixo do nível neutro de 50,0 pontos, é equivalente a uma queda de 7,3% ante novembro, descontada a sazonalidade, marcando sua terceira contração consecutiva. Para tanto, o indicador de situação atual e o de expectativas recuaram 7,2% e 7,1% na margem, respectivamente. No mesmo sentido, o Índice Nacional de Expectativas do Consumidor alcançou 100,3 pontos neste mês, caindo 1,1% em relação ao mês anterior, também excetuados os efeitos sazonais. 

Dessa forma, o arrefecimento da confiança da indústria e do consumidor nos últimos meses tem reforçado a expectativa de recuperação gradual da atividade econômica no próximo ano.

Um comentário:

Fernando Bender disse...

Não terá 2017 nada de gradual, nem recuperação.
A crise da dívida corporativa nos eua vai estourar.