Governo chamará plebiscito para privatizações, caso assembléia negue mudança na Constituição

A proposta que autoriza a privatização das estatais CRM, CEEEe Sulgás sem consulta plebiscitária dificilmente passará pela Assembléia.

Nem na base do governo há acordo.

O governo, no entanto, decidiu que em caso de rejeição, a alternativa será chamar plebiscito, conforme diz a Constituição do Estado.