Desesperada com dívida no Banrisul, professora estadual tenta atear fogo no próprio corpo em Pelotas

A mídia de Pelotas informa esta manhã que uma professora aposentada de 70 anos tentou atear fogo no próprio corpo nesta terça-feira. Foi numa agência do Banrisul, na Rua Andrade Neves, no Centro da cidade (foto ao lado). A idosa foi cobrada por uma dívida e abalada pelo parcelamento de salário e atraso do pagamento do 13° pelo Piratini.

O Diário Popular diz que ela foi acudida por um, homem e está salva. A professora espalhou álcool pelo corpo e tentou atear fogo.

A professora gritou em voz alta que nunca havia ficado devendo, e culpou os consecutivos atrasos e parcelamentos de salário pela situação.

Milhares de servidores estaduais tiraram empréstimos para cobrir o valor do 13o e contavam com depósitos prometidos e não realizados pelo governo.

Leia todas as últimas notícias de Zero Hora

O Banrisul orienta os servidores em situação igual para que renegociem seus débitos.