Contas do governo têm pior resultado para novembro desde 1997

As contas do governo federal tiveram um rombo de R$ 38,4 bilhões em novembro, o pior resultado para o mês desde o início da série histórica, em 1997.

O rombo no acumulado do ano é de R$ 94,2 bilhões, também o pior resultado para o período (janeiro a novembro) desde 1997.

As informações foram divulgadas nesta segunda-feira pelo Tesouro Nacional.

12 comentários:

Anônimo disse...

E AINDA VÃO AJUDAR OS ESTADOS ? VÃO NÃO, SÓ SINALIZARAM PARA QUE GOVERNADORES CONSEGUISSEM PASSAR 'PACOTES' PELAS ASSEMBLEIAS, E ESTAS COMO NO TAL PRÉ-SAL ACHARAM QUE VIRIA DINHEIRO E AUMENTARAM OS CUSTOS, 2017 PROMETE.

Anônimo disse...

PRA ANDAR de carroças está muito bem, pois que assim quiseram ao rechaçar novos investimentos no Estado do RGS no governo Brito.

Tudo nos planos da cartilha Gramsiana adotada por Olivio Dutra, Tarso Genro e seus asseclas.

Anônimo disse...

O governo Temer até agora não fez nada para retomada da economia.
Só toma medidas para garantir a grana dos banqueiros.
Podre.

Anônimo disse...

Herança Maldita de governos irresponsáveis. Queríamos o quê ? Elegemos um malandro que ainda pensa que é esperto. Saquearam o país de Norte a Sul e o Congresso nada viu. Agora o STF vai levar 20 anos para julgá-los, e, quando o fizerem estará prescrito. Esse é o Brasil, onde as leis só funcionam para proteger ladrões do dinheiro público e nada acontece.

Anônimo disse...

O anônimo das 17:56. O estrago dos dois últimos governos foi tão grande que nem um mágico conseguiria reverter em tão curto prazo a situação caótica em que se encontra o país. Uma Economia bem estruturada como Lula pegou levou anos para ser construída e bastaram 14 anos para destruí-la. Simples assim

Anônimo disse...

Estais da falando de Lula/Dilma, ANONIMO das 17:56.

Chegastes agora de Marte ou estavas 13 anos em alguma plataforma da Petrobras?


Anônimo disse...

Com qual poder se as emendas tiraram a exigência?

Anônimo disse...

O impeachment foi aprovado para acabar com a corrupção e melhorar a economia, mas... nem A nem B. Acho que é hora tentar de novo.

Anônimo disse...

Não me venham culpar os governos Lula e Dilma porque o traira o JN e os empresários da FIESP foram bem claros, a Dilma cai num dia e já no outro a água vira vinho, ou seja, a economia melhora do dia para noite.

Melhorou? Não, piorou, sem contar que o traira, o PP, o PSD, o PSB, o PSC, o PTB, o PR, o PRB eram todos governos e "continuaram" governo. Ou seja, são péssimos administradores e o mercado não gosta de trairas.

Anônimo disse...


CASTIGO AO GOLPE: PMDB RACHADO E SEM PROJETO DE PODER PARA 2018:

26/12/2018 - Brasil 247

Carolina Antunes/PR
"Ainda que Temer sobreviva no cargo até 2018, como um pato manco, arrastando as correntes da impopularidade e da fragilidade, o projeto de poder do PMDB já foi para o espaço", diz a colunista Tereza Cruvinel; segundo ela, restará ao partido atuar numa posição secundária, apoiando o PSDB, num jogo em que o PT, com Lula, e a Rede, com Marina, estarão mais fortes; "Sacrificaram a democracia e estão sacrificando a economia nacional por nada. Não há projeto de poder para o PMDB no horizonte de 2018", diz ela (...)

Anônimo disse...

E o governo de Temer não pode falar em herança maldita!
O PMDB está no governo desde 1986, com o SArney e nunca mais saiu de lá!!!!

Anônimo disse...

É fácil entender por que não há panelaços contra Temer:

26 Dec 2016/Paulo Nogueira - DCM

Uma das queixas mais frequentes entre os simpatizantes de Dilma é esta: onde foram parar as panelas?

A cada denúncia de corrupção, a questão reaparece nas redes sociais: e aquele pessoal que batia panela o tempo todo?

Pois bem.

Houve nas redes sociais registros de panelas no pronunciamento de Temer no Natal.

Mas nada comparável aos panelaços de antigamente.

Que houve com elas, as panelas? O fato é que elas já não são as mesmas.

Os panelaços eram não exatamente contra a corrupção. Eram contra o PT e Dilma. Por isso sumiram.

Qualquer coisa servia de pretexto para ir para a janela do apartamento com uma panela. Os tolos estavam sendo manipulados, mas pensavam estar fazendo história.

Era uma atitude que para sempre estará vinculada a uma classe média reacionária e visceralmente analfabeta política.

É um tipo de gente que aceita corrupção nos outros, e até em si própria. Mas no PT qualquer boato, qualquer suspeita de corrupção é um horror de proporções ciclópicas.

Outra diferença vital entre as panelas está na mídia.

A imprensa decide a repercussão que vai dar a qualquer manifestação. O jornalismo de guerra dá volume máximo para protestos contra o PT, e mínimo ou nenhum para os outros.

Ainda que houvesse uma adesão maciça às panelas na fala televisiva de Temer, isto não teria sido notícia.

Há panelas e há panelas. Aquelas que vinham envoltas em xingamentos contra Dilma e o PT só sairão das cozinhas quando — e se — o PT voltar ao poder.

Até lá, pode esquecer.

OS e AA Paneleiros(as) são: (Paula...)
1) Americanizados
2) Globalizados
3) Corruptos e Sonegadores enrustidos
4) Elitistas
5) Classe Média, que acha que é rica (ou poderá ser)
6) Analfabetos em Política
7) Eles podem roubar, mas, os petralhas* não
* qualquer "pobre" ou "bolivariano". Não precisa ser do PT !!!
8) Os americanos podem depenar o Brasil, mas, as empresas brasileiras têm que ser SANTAS (como o Alckmin...)