Dono do Cine Guion ameaça fechar se gays e traficantes não deixaram Shopping Olaria

Clipping
Site Clic RBS - 20/04/2010
Isso aqui virou terra de ninguém, diz dono do Cinema Guion
Cansado da aglomeração em frente ao centro comercial Nova Olaria, o proprietário da rede de cinemas Guion, Carlos Schmidt, usou a internet para protestar.

Em um manifesto que distribuiu para sua rede de contatos por e-mail e também postou na rede social Facebook, Schmidt disse que “o descaso e a negligência do poder público permitiram uma permissiva aglomeração na Rua Lima e Silva, o que impede e oprime quem tentar usar de seu direito de ir e vir”. Schmidt falou ontem a Zero Hora:

Zero Hora – Como está repercutindo o manifesto?
Carlos Schmidt – Não tenho mais público. Agora só quero achar o culpado. Resolvi lançar esse desabafo e aproveitar o potencial do Facebook, no qual temos mais de 600 seguidores. Foi como uma última tentativa. Isso aqui virou terra de ninguém. Se já tivessse ocorrido uma morte, como teve na Redenção, talvez já tivessem feito algo. Parece que esperam por isso. Contra a turba não existe argumentação. O pior é que estão procurado transformar a coisa toda numa questão de preconceito sexual, o que não é verdade. O Guion sempre teve uma programação plural, sempre exibiu filmes com temática homossexual, foi parceiro do grupo Nuances numa edição do Mix Brasil (festival de cinema com filmes gays). Não me interessa se quem faz isso é ou não é gay. A questão toda é: pode ser considerado normal as pessoas serem impedidas de circular em um lugar público, se sentirem constrangidas, ameaçadas? Se for normal, eu tenho mais é que fechar.

CLIQUE aqui para ler a entrevista completa no site ClicRBS.

5 comentários:

Fabiano Machado disse...

A Lima e Silva e a João Alfredo ficaram impossíveis de circular a noite em porto alegre nas Sextas Feiras e Finais de Semana.

Já me disseram que este cinema é o mais bem equipado e aparelhado de Porto Alegre, mas não tem público e nem exibe filmes tão bons.

Anônimo disse...

O Sr Carlos Schmidt ganhou muito dinheiro exibindo todos os filmes de temática gay que estiveram disponíveis em Porto Alegre. E por isso foi ele o responsável por transformar o Nova Olaria em "point" homossexual. Claro que nem todos homossexuais agem de forma inapropriada, mas que ele provocou isto é verdade.

Anônimo disse...

O Guion não é nem o mais aparelhado nem o mais equipado, mas exibe fitas bem interessantes que não atraem o grande público.
E os filmes não são para a turma GLS, apesar destes gostarem de muitos.
Filmes cujos DVD's às vezes tem que ser importados passam lá.

Anônimo disse...

Lembrem-se: o governo do estado não tem responsabilidade nenhuma nas questões referentes a segurança pública. É tudo culpa do Lula!

Anônimo disse...

É um absurdo a chamada "ameaça fechar se gays". O proprio diretor do guion diz que não é contra gays. Que culpa tem os gays? Vocês já viram quem fica na frente do Olaria, são adolescentes sem referência familiar alguma! Respeitem os gays. Sou gay e pago meus impostos. Também sou contra a exposição sexual na rua. Mesmo de heteros! Refaça essa chamada e seja menos tendencioso!